sábado, 2 de maio de 2009

Indignação

Quem não acompanhou a lamentável história do bebê espancado por uma garota de programa?
Esse é um exemplo a ser seguido, tiro meu chapéu pra moça, afinal, aquele bebê cruel não a deixava dormir, onde já se viu um bebê chorar? Em que época ele pensa que está? Representava um perigo muito grande, não posso nem imaginar essa moça meiga com os tímpanos estourados. Trata-se de uma ameaça à saúde de uma mulher agora incompreendida.
Quanta maldade da sociedade ao recriminá-la e, meu Deus, como foi injusto prendê-la! Em que mundo vivemos?
Se todo bebê perigoso como esse chorasse a ponto de atrapalhar o "soninho" de uma pobre criatura, esse mundo estaria perdido.
Esse caso é tão revoltante que não pude deixar de escrever a respeito, é minha forma de protesto.
Crimes hediondos ocorrem o tempo todo sob os olhos de uma sociedade incrédula e ávida por justiça.
Vivemos numa selva de pedras formada por animais "racionais", verdadeiras feras abomináveis.
Registro aqui minha indignação, desejando que essa criatura seja de fato condenada, sem direito a relaxamento de prisão e que sua estadia por lá cause em seu corpo e mente mais marcas do que aquelas deixadas no corpinho de uma indefesa e inocente criança.
Sandra

0 comentários: